A pedagogia como alicerce da teoria política em Rousseau

um traçado do Iluminismo na educação

Palavras-chave: Rousseau, Emílio, Iluminismo, Filosofia da Educação

Resumo

 O presente artigo procura - através de uma análise crítica e explicativa, baseada em estudos de bibliografia das obras de Rousseau, centrando-se principalmente nos Discursos e em Emílio - evidenciar de que maneira o conceito de natureza, na perspectiva da teoria política e social desenvolvida por Rousseau, se coaduna com aquele  expresso em sua obra pedagógica Propõe-se a investigar  as bases filosóficas do pensamento rousseauniano para analisar o conceito de natureza e o homem, articulando-o com o modo pelo qual outros autores contratualistas  pensaram o mesmo problema. Busca por fim expor uma possível unidade no pensamento político e pedagógico de Rousseau, para desenvolver, à luz de suas ideias, a construção de uma teoria acerca dos fundamentos da sociedade e do direito natural, bem como de um projeto de pedagogia natural e moral para que fosse possível estabelecer a vontade geral.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BARROS, Roque Spencer Maciel. Meditações sobre Rousseau. São Paulo: Centro Regional de Pesquisas Educacionais, 1963.
CASSIRER, Ernst. A filosofia do iluminismo. Campinas Unicamp, 1992.
DALBOSCO, Cláudio Almir. Educação natural em rousseau: das necessidades da criança e dos cuidados do adulto. São Paulo, Editora Cortez, 2011.
DALBOSCO, Cláudio Almir. Filosofia e educação no Emílio de Rousseau: papel do educador como governante. Campinas: Alínea, 2011.
FRANCISCO, Maria de Fátima Simões. Emílio o aluno imaginário e as cenas pedagógicas no Emílio de Rousseau. In: International Studies on Law and Education, São Paulo, SP, n. 09, set./dez. 2011. p. 13-18.
FRANCISCO, Maria de Fátima Simões. Notas acerca da educação doméstica e educação pública no Emílio de Rousseau. Notandum, São Paulo/ Porto, n.16, p.53-64, 2008.
HAZARD, Paul. O pensamento europeu no século XVIII. Lisboa: Editora Presença, 1974.
MONTEAGUDO, Ricardo. Entre o direito e a história: a concepção do legislador em Rousseau. São Paulo: Editora UNESP, 2006.
ROUSSEAU, Jean Jacques. Discurso sobre as ciências e as artes. In: Os pensadores/ Rousseau. 1.ed. São Paulo: Victor Civita, 1973. p.329-360.
ROUSSEAU, Jean Jacques. Discurso sobre a origem e o fundamento da desigualdade entre os homens. In: Os pensadores/ Rousseau. 1.ed. São Paulo: Victor Civita, 1973. p. 207-328.
ROUSSEAU, Jean Jacques. Emílio ou da educação. São Paulo: Martins Fontes, 1999.
PISSARA, Maria Constança. Da ética à política. In: ___. Rousseau: a política como exercício pedagógico. São Paulo: Moderna, 2002, p.38-55.
SKINNER, Quentin. As fundações do pensamento político moderno. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.
TODOROV, Tzvetan. O espírito das luzes. Tradução Mônica C. Corrêa, São Paulo, Barcarolla, 2008.
Publicado
03-09-2020
Como Citar
Calil Breymaier, S., & Boto, C. (2020). A pedagogia como alicerce da teoria política em Rousseau. Revista Educação Em Questão, 58(57). https://doi.org/10.21680/1981-1802.2020v58n57ID21484
Seção
Artigos