Iniciativas das bibliotecas públicas Cearenses em apoio à implementação da Agenda 2030 no contexto da pandemia da Covid-19

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/2447-0198.2022v6n0ID27751

Palavras-chave:

Biblioteca Pública, Agenda 2030, Empoderamento da Biblioteca Pública

Resumo

Pesquisa junto às bibliotecas públicas cearenses com o objetivo de identificar iniciativas voltadas à implementação da Agenda 2030 no contexto pandêmico através das redes sociais. O estudo faz parte de projeto de pesquisa financiado pela Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico e tem como objetivo desenvolver uma plataforma de projetos e soluções inovadoras para as bibliotecas públicas municipais do Estado do Ceará em prol da Agenda 2030. Os procedimentos metodológicos compreenderam um estudo exploratório com delineamento qualitativo e quantitativo. O universo pesquisado foi de 184 municípios e 198 bibliotecas distribuídas em 14 macrorregiões de planejamento conforme o Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará. O levantamento foi realizado junto às postagens na rede social Facebook, por ser a mais usada entre as bibliotecas pesquisadas e compreendeu o período de março de 2020 a julho de 2021. Concluiu-se que as iniciativas em relação a Agenda 2030 ainda são bem restritas ao objetivo 4 ‘Educação de Qualidade’ e voltadas às atividades que envolvem leitura e cultura. As orientações e protocolos de biossegurança em virtude da pandemia por Covid-19 acabaram por restringir alguns produtos e serviços.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Cleide Rodrigues Bernardino, Universidade Federal do Cariri, Juazeiro do Norte, CE, Brasil

Doutora em Ciência da Informação

Hígia Stefanny de Macêdo Pereira, Universidade Federal do Cariri, Juazeiro do Norte, CE, Brasil

Graduanda em Biblioteconomia pela UFCA.

Ana Paula Pereira da Silva, Universidade Federal do Cariri, Juazeiro do Norte, CE, Brasil

Graduanda em Biblioteconomia pela UFCA

Maria Daiane de Santana Silva, Universidade Federal do Cariri, Juazeiro do Norte, CE, Brasil

Graduanda em Biblioteconomia pela UFCA.

Referências

ARENDT, Hannah. Sobre a violência. 3. ed. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2001.

AS BIBLIOTECAS e a implementação da Agenda 2030. 2015. Disponível em: https://www.ifla.org/files/assets/hq/topics/libraries-development/documents/libraries-un- 2030-agenda-toolkit-pt.pdf. Acesso em: 9 jan. 2022.

BERNARDINO, Maria Cleide Rodrigues. Biblioteca pública e empoderamento: análise da política de atuação local. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 20., 2019, Florianópolis. Anais [...]. Florianópolis: UFSC, 2019. Disponível em: https://conferencias.ufsc.br/index.php/enancib/2019/paper/view/1096/867. Acesso em: 4 out. 2021.

BERNARDINO, Maria Cleide Rodrigues. Territorialidade e empoderamento da biblioteca pública. Conhecimento em Ação, Rio de Janeiro, v. 2, n. 2, p. 108-124, jul./dez. 2017. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/rca/article/view/14011/9747. Acesso em: 4 jan. 2022.

BETANCUR BETANCUR, Adriana María. Bibliotecas públicas, información y desarrollo local. Medellín: Comfenalco Antioquia, 2007.

BIBLIOTECA NACIONAL (Brasil). Biblioteca pública: princípios e diretrizes. 2. ed. rev. amp. Rio de Janeiro: Fundação Biblioteca Nacional, 2010. Disponível em: https://www.bn.gov.br/sites/default/files/documentos/miscelanea/2015/bibliotecapublica_principiosdiretrizes_edicao2.pdf. Acesso em: 7 jan. 2022.

BLATTMANN, Úrsula; RADÓS, Gregório J. Varvakis. Bibliotecas públicas na internet: serviços e possibilidades. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis, v. 5, n. 5, p. 70-89, 2000. Disponível em: https://revista.acbsc.org.br/racb/article/view/345/410. Acesso em: 3 out. 2021.

CASTELLS, Manuel. A sociedade em rede: a era da informação: economia, sociedade e cultura. v. 1. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

COMISSÃO MUNDIAL SOBRE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO. Nosso futuro comum. 2. ed. Rio de Janeiro: Editora da Fundação Getúlio Vargas, 1991. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/4245128/mod_resource/content/3/Nosso%20Futuro%20Comum.pdf. Acesso em: 24 jun. 2021.

FELICIÉ SOTO, Ada Myriam. Biblioteca pública, sociedad de la información y brecha digital. Buenos Aires: Alfagrama, 2006.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2012.

GOLDENBERG, Mirian. A arte de pesquisar: como fazer pesquisa qualitativa em ciências sociais. 10. ed. Rio de Janeiro: Record, 2007.

GOHN, Maria da Glória. Empoderamento e participação da comunidade em políticas sociais. Saúde e Sociedade, v. 13, n. 2, p. 20-31, maio/ago., 2004. Disponível em: https://www.scielo.br/j/sausoc/a/dGnqs6Q5RZbKgTNn54RRBNG/abstract/?lang=pt. Acesso em: 9 jan. 2022.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. 3. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 1999.

JARAMILLO, Orlanda; MONTOYA RÍOS, Mónica. Revisión del concepto de biblioteca pública. In: Biblioteca pública y lectura pública. Medellín: Universidad de Antioquía, 2005. p. 17-40.

KOONTZ; Christie; GUBBIN, Bárbara. Diretrizes da IFLA para bibliotecas públicas. Brasília: Briquet de Lemos, 2012.

MACHADO, Frederico Borges; SUAIDEN, Emir José. O papel da biblioteca pública e seus desafios frente aos avanços tecnológicos. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE BIBLIOTECONOMIA, DOCUMENTAÇÃO E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 25., 2013, Florianópolis. Anais [...]. Florianópolis: FEBAB, 2013. Disponível em: https://portal.febab.org.br/anais/article/view/1284. Acesso em: 4 out. 2021.

MANIFESTO da IFLA/UNESCO sobre bibliotecas públicas, 1994. Disponível em: https://repository.ifla.org/handle/123456789/189. Acesso em: 6 jan. 2022.

OAKLEY, Peter; CLAYTON, Andrew. Monitoramento e avaliação do empoderamento. 2. ed. São Paulo: Instituo Polis, 2003. Disponível em: https://dadospdf.com/download/monitoramento-e-avaliaao-do-empoderamento-_5a4dbde6b7d7bcab6746abd1_pdf. Acesso em: 2 maio 2022.

RAFFESTIN, Claude. Por uma geografia do poder. São Paulo: Ática. 1993. Disponível em: http://www2.fct.unesp.br/docentes/geo/bernardo/BIBLIOGRAFIA%20DISCIPLINAS%20POS-GRADUACAO/CLAUDE%20REFFESTIN/RAFFESTIN,%20Claude%20-%20Por%20uma%20Geografia%20do%20Poder(3).pdf . Acesso em: 12 ago. 2021.

RAPPAPORT, Julian. In Praise of paradoxe: a social policy of empowerment over prevention. American Journal of Community Psychology, Fairhaven, v. 9, n. 1, p. 1-25, fev. 1981.

RELATÓRIO Luz da Sociedade Civil Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável: Brasil. v. 5. 2021. Disponível em: https://brasilnaagenda2030.files.wordpress.com/2021/07/por_rl_2021_completo_vs_03_lowres.pdf. Acesso em: 3 out. 2021.

RELATÓRIO Luz da Sociedade Civil da Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável: Brasil. v. 4. 2020. Disponível em: https://brasilnaagenda2030.files.wordpress.com/2020/08/por_rl_2020_web-1.pdf. Acesso em: 2 maio 2022.

SACHS, Ignacy. Caminhos para o desenvolvimento sustentável. Rio de Janeiro: Garamond, 2009.

SACHS, Ignacy. Desenvolvimento includente, sustentável sustentado. Rio de Janeiro: Garamond, 2008.

SACHS, Ignacy. O tripé do desenvolvimento includente: palestra magna. In: SEMINÁRIO DE INCLUSÃO SOCIAL, 2003, Rio de Janeiro. Anais [...]. Rio de Janeiro: BNDES, 2003. Disponível em: http://ignacysachs.blogspot.com/2008/12/o-trip-do-desenvolvimento-includente.html. Acesso em: 11 out. 2021.

SACK, Robert David. Human territoriality: its theory and history. London: Cambridge University Press, 1986.

SOJA, Edward W. The political organization of space. Washington, D.C: AAG Comission on College Geography. 1971. Disponível em: https://pt.scribd.com/document/103277014/Soja-Edward-The-Political-Organization-of-Space. Acesso em: 12 ago. 2021.

VILLAFAÑE, Justo. Imagem positiva: gestão estratégica da imagem das empresas. Lisboa: Edições Silabo, 1993.

Downloads

Publicado

09-05-2022

Como Citar

BERNARDINO, M. C. R.; PEREIRA, H. S. de M. .; SILVA, A. P. P. da .; SILVA, M. D. de S. . Iniciativas das bibliotecas públicas Cearenses em apoio à implementação da Agenda 2030 no contexto da pandemia da Covid-19. Revista Informação na Sociedade Contemporânea, [S. l.], v. 6, p. e27751, 2022. DOI: 10.21680/2447-0198.2022v6n0ID27751. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/informacao/article/view/27751. Acesso em: 28 maio. 2022.

Edição

Seção

Dossiê XV Encontro Nacional de Informação e Pesquisa em Informação (CINFORM)