Gestão de Pessoas em Bibliotecas Universitárias:

uma proposta de atuação

  • Anízia Maria Lima Nogueira Centro Universitário Dr. Leão Sampaio (UNILEÃO)
  • Maria Cleide Rodrigues Bernardino Universidade Federal do Cariri (UFCA)
Palavras-chave: Gestão de Pessoas, Bibliotecário gestor, Biblioteca Universitária

Resumo

A pesquisa aborda a gestão de pessoas em bibliotecas universitárias trazendo uma proposta de atuação. A problemática está embasada no seguinte questionamento: Como formular uma proposta de atuação para gestão de pessoas aplicada a bibliotecas universitárias? Possui, como objetivo, abordar a gestão de pessoas na biblioteca universitária visando à elaboração de uma proposta de atuação. Quanto aos procedimentos metodológicos, a pesquisa caracteriza-se, quanto aos fins, como exploratória; quanto aos meios, como bibliográfica; e quanto ao tratamento dos dados, como qualitativa. Através do estudo, elaboramos uma proposta para atuação em bibliotecas universitárias com técnicas de gestão de pessoas, visando auxiliar os bibliotecários gestores na construção de ações estratégicas para o gerenciamento de suas equipes de trabalho. Conclui-se, então, que a proposta de atuação é baseada nos seguintes aspectos: liderança, seleção de pessoal, administração de conflitos, práticas de feedbacks assertivos, treinamento e capacitação de pessoal, habilidade de delegar, aplicação da gestão da transparência e elaboração de um plano de gestão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARAÚJO, L. C. G. Teoria geral da Administração. São Paulo: Atlas, 2004.

CHIAVENATO, I. Iniciação à teoria das organizações. São Paulo: Manole, 2010.

CHIAVENATO, I. Gestão de pessoas: o novo papel dos recursos humanos nas organizações. 4. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2016.

COLLIS, J.; HUSSEY, R. Pesquisa em administração: um guia prático para alunos de graduação e pós graduação. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.

GUERRA, M. U. M. A.; CAVALCANTE, L. E. Gestão de pessoas em unidades de informação: desafios entre o fazer e o aprender no papel do gestor. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 18., 2017, São Paulo. Anais eletrônicos [...], São Paulo: ENANCIB, 2017. Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/104899. Acesso em: 21 jul. 2020.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A. Fundamentos de metodologia científica. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

MELO, L. L. S; MARQUES, D. B; PINHO, F.A. A biblioteca universitária e sua atuação frente à mutabilidade de paradigmas. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, v. 5, n. 1, p. 69-89, mar./ago., 2014. DOI: 10.11606/issn.2178-2075.v5i1p69-89. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/incid/article/view/64069/82233. Acesso em: 21 jul. 2020.

ROBBINS, S. P. Administração: mudanças e perspectivas. São Paulo: Saraiva, 2009.

SEVERINO, A. J. Metodologia do trabalho científico. 24. ed. São Paulo: Cortez, 2016.

SERAFIM, A.M.M. Gestão de bibliotecas universitárias. Biblioo Cultura Informacional, Rio de Janeiro, maio 2016. Disponível em: http://biblioo.info/gestaodebibliotecasuniversitarias. Acesso em 21 jul. 2020.

SILVA, J. C. O estilo de liderança dos bibliotecários de Brasília. Brasília: UNB, 2009. Disponível em: https://repositorio.unb.br/bitstream/10482/4944/1/2009_JanainaCostaSilva.pdf. Acesso em 21 jul. 2020.

TROGLIO, J. Perfil dos gestores de bibliotecas universitárias Federais do Brasil. Orientadora: Miriam Vieira da Cunha. 2014. 98 p. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação), Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2014. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/bitstream/handle/123456789/129182/328496.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 21 jul. 2020.

VALENTIM, M.L.P. Formação do profissional da informação. São Paulo: Polis, 2002.

Publicado
08-08-2020
Como Citar
NOGUEIRA, A. M. L.; BERNARDINO, M. C. R. Gestão de Pessoas em Bibliotecas Universitárias: . Revista Informação na Sociedade Contemporânea, v. 4, n. 1, p. e19732, 8 ago. 2020.