Avaliação e expansão da Pós-Graduação em Educação no Brasil e no Nordeste

assimetrias e desafios

Palavras-chave: Pós-graduação; expansão; avaliação; assimetrias regionais.

Resumo

O artigo objetiva analisar como as políticas implementas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), tem refletido na expansão e na avaliação dos Programas de Pós-graduação em educação no Brasil, com destaque para a região Nordeste. Parte do pressuposto que as políticas adotadas na pós-graduação, assumem uma lógica de eficiência e produtividade que incentivam a competitividade entre os programas. Trata-se de uma pesquisa qualitativa que usou como procedimentos metodológicos, análises documentais e elaboração de séries estatísticas tomando como referência os dados disponibilizados pelo Sistema de Informações Georefenciadas (Geocapes). O estudo mostra que as políticas concebidas pela Capes propiciaram uma expansão do sistema de pós-graduação, a adoção de novos formatos de programas e que o processo de avaliação tem sido utilizado como forma de garantir a qualidade dos mesmos, ranqueando os programas e aumentando as assimetrias regionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ACADEMIC RANKING OF WORLD UNIVERSITIES – ARWU. 2018. Disponível em: http://www.shanghairanking.com/ARWU2018.html. Acesso em: 10 jun. 2018.

BANCO MUNDIAL. Construir sociedades de conocimiento: nuevos desafios para la Educación Terciaria. Washington: Banco Mundial, 2003. https://documentos.bancomundial.org/es/publication/documents-reports/documentdetail/287031468168578947/construir-sociedades-del-conocimiento-nuevos-desafios-para-la-educacion-terciaria. Acesso em: 23 ago.2020.

BRASIL. Decreto n. 2.026, de 10 de outubro de 1996. Estabelece procedimentos para o processo e avaliação dos cursos e instituições de ensino superior. Brasília, 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/Antigos/D2026.htm. Acesso em: 10 ago. 2020.

BRASIL. Lei n. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, 1996a. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: 15 ago. 2020.

BRASIL. Decreto n. 3.860, de 9 de julho de 2001. Dispõe sobre a organização do ensino superior, a avaliação de cursos e instituições, e dá outras providências. Brasília, 2001. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/2001/d3860.htm. Acesso: 16 ago. 2020.

BRASIL. Lei n. 10.973, de 2 de dezembro de 2004. Dispõe sobre incentivos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2004/lei/l10.973.htm. Acesso em: 10 jun. 2018.

BRASIL. Lei n. 11.196, de 21 de novembro de 2005. Dispõe sobre incentivos fiscais para a inovação tecnológica. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2005/lei/l11196.htm. Acesso em: 10 jun. 2019.

BRASIL. Lei n. 13.243, de 11 de janeiro de 2016. Dispõe sobre estímulos ao desenvolvimento científico, à pesquisa, à capacitação científica e tecnológica e à inovação. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2019.

BRASIL. Plano Nacional de Educação (2010-2024). Disponível em http://pne.mec.gov.br/18-planos-subnacionais-de-educacao/543-plano-nacional-de-educacao-lei-n-13-005-2014. Acesso em: jan. 2018.

BRASIL. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). Plano Nacional de Pós-graduação – PNPG (2005-2010). Brasília: CAPES, 2004.

BRASIL. CAPES. Plano Nacional de Pós-graduação – PNPG (2011-2020). Brasília: CAPES, 2010.

BRASIL. CAPES. GEOCAPES - Sistema de Informações Georreferenciadas, dados de 2010 a 2016. Disponível em: https://geocapes.capes.gov.br/geocapes. Acesso em: 20 set. 2020.

BRASIL. CAPES. Documento de área: Educação. Brasília, 2016. Disponível em: http://www.capes.gov.br. Acesso em: 20 jan. 2020.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP). Mapa do Analfabetismo no Brasil. Brasília: INEP, 2003. Disponível em: http://portal.inep.gov.br/informacao-da-publicacao/-/asset_publisher/6JYIsGMAMkW1/document/id/6978610. Acesso em: 14 jan. 2021.

CABRAL NETO, Antônio; CASTRO, Alda Maria Duarte Araújo. Meta 13 - Titulação de professores da educação superior. In: OLIVEIRA, João Ferreira de; GOUVEIA, Andrea Barbosa Gouveia; ARAÚJO, Heleno Araújo. (Org.). Caderno de Avaliação das metas do Plano Nacional de Educação: PNE 2014-2024. Brasília: Anpae, 2018.

DIAS SOBRINHO, José. Qualidade, avaliação: do SINAES a índices. Revista da Avaliação da Educação Superior, Sorocaba, v. 13, n. 3, p. 817-825, nov. 2008.

FONSECA, Marília; OLIVEIRA, João Ferreira de. A pós-graduação brasileira e seu sistema de avaliação. In: OLIVEIRA, João Ferreira de; CATANI, Afrânio Mendes; FERREIRA, Naura Syria Carapeto. Pós-graduação e avaliação: impactos e perspectivas no Brasil e no cenário internacional. São Paulo. Mercado de Letras, 2010.

HORTA, José Silvério; MORAES, Maria Célia. O sistema CAPES de avaliação da pós-graduação: da área de educação à grande área de ciências humanas. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, n. 30, p. 95-116, dez. 2005.

LUSTOSA, Maria Cecília Junqueira; APOLINÁRIO, Valdênia; SILVA, Maria Lussieu da. Arranjos produtivos locais como política de inclusão produtiva no Nordeste brasileiro. Revista Paranaense de desenvolvimento, Curitiba, v. 39, n. 134, p. 77-93. 2018.

MENEGHEL, Stela Maria; LAMAR, Adolfo Ramos. Avaliação como construção social: reflexões sobre as políticas de avaliação da educação no Brasil. Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior, Campinas, v. 6, n. 4, p. 17-26, out./dez. 2001.

OLIVEIRA, João Ferreira de; FONSECA, Marília; AMARAL, Nelson Cardoso. Avaliação, desenvolvimento institucional e qualidade do trabalho acadêmico. Educar em Revista, Curitiba, n. 28, p. 71-87, dez. 2006.

PAIVA, Flavia Melville; BRITO, Silvia Helena Andrade. O papel da avaliação CAPES no processo de internacionalização da Pós-Graduação em Educação no Brasil (2010-2016). Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior, Campinas, v. 24, n. 2, p. 493-512, out. 2019.

SALMI, Jamil. El desafio de crear universidades de rango mundial. Colômbia: Mayol, 2009.

SGUISSARDI, Valdemar. A avaliação defensiva no “modelo CAPES de avaliação": É possível conciliar avaliação educativa com processos de regulação e controle do Estado? Perspectiva, Florianópolis, v. 24, n. 1, p. 49-88, abr. 2006.
Publicado
19-07-2021
Como Citar
Duarte Araújo Castro, A. M., & da Costa Fernandes Oliveira, L. M. (2021). Avaliação e expansão da Pós-Graduação em Educação no Brasil e no Nordeste. Revista Educação Em Questão, 59(59). https://doi.org/10.21680/1981-1802.2021v59n59ID24454
Seção
Artigos