Elementos de arquitetura da informação no Repositório Eletrônico Institucional da UFPB

  • Felipe Carvalho Marinho Gusmão
  • Mayane Paulino de Brito e Silva
  • Giuliane Monteiro Pereira
  • Izabel França de Lima
  • Henry Poncio Cruz de Oliveira

Resumo


Os ambientes de informação podem ser analógicos, digitais ou híbridos. Neste trabalho damos atenção aos ambientes de informação digital, que englobam os sítios da web, as bibliotecas digitais, os periódicos eletrônicos, os sistemas de gestão eletrônica de documentos e os repositórios digitais. O presente artigo é o relato de uma investigação sobre Arquitetura da informação em repositórios digitais, com foco analítico no repositório institucional da UFPB. Objetivou-se analisar elementos da Arquitetura da Informação nos Sistemas de organização com ênfase no modelo top down, do Sistema de rotulagem, navegação e busca na interface do repositório institucional da UFPB. A metodologia adotada é de caráter quali-quantitativo, com fins exploratórios e descritivos. Sugere-se melhorias na interface do Repositório Eletrônico Institucional da UFPB seguindo parâmetros orientados pela Arquitetura da informação com o intuito de aprimorar principalmente os processos de organização, busca e navegação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

  • CAMARGO, Liriane Soares de Araújo; VIDOTTI, Silvana Aparecida Borsetti Gregório. Arquitetura da informação: uma abordagem prática para o tratamento de conteúdo e interface em ambientes informacionais digitais. Rio de Janeiro: LTC, 2011.

  • CONKLIN, Jeff. Hypertext: an introduction and survey. Computer, v. 20, n.9, p. 17-41, set. 1987.

  • ILHARCO, Fernando. Filosofia da Informação: uma introdução à informação como fundação da ação, da comunicação e da decisão. Lisboa: Universidade Católica Editora, 2003.

  • LIMA, Marcia H. T. de Figueredo. Consequências do movimento pelo livre acesso – open access – e o direito à informação científica. In: SAYÃO, Luis. et al. Implantação e gestão de repositórios institucionais: políticas, memória, livre acesso e preservação. Salvador: EDUFBA, 2009.

  • LYNCH, Clifford A. Institutional repositories: essential infrastructure for scholarship in the digital age. ARL Bimonthly Report, 26, 2003. Disponível em: <http://www.arl.org/ newsltr/226/ir.html> Acesso em: 16 de jul. 2016.

  • MACEDO, Flávia Lacerda Oliveira de. Arquitetura da informação: aspectos epistemológicos, científicos e práticos. 2005. 190f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Faculdade de Ciência da Informação, Universidade de Brasília, Brasília, 2005.

  • MORESI, Eduardo (Org.). Metodologia da pesquisa. Brasília: Universidade Católica de Brasília, 2003. Disponível em: <http://http://www.unisc.br/portal/upload /com_arquivo/metodologia_da_pesquisa.pdf>. Acesso em: 9 out. 2013.

  • OLIVEIRA, Henry Poncio Cruz de. Arquitetura da Informação Pervasiva: contribuições conceituais. 2013. 203f. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) – Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista, Marília, 2014.

  • OLIVEIRA, Henry Poncio Cruz de; VIDOTTI, Silvana Aparecida Borsetti Gregório. Arquitetura da informação digital: conexões interdisciplinares dentro da abordagem sistêmica. In: CAVALCANTE, Lídia Eugênia; BENTES PINTO, Virgínia; VIDOTTI, Silvana Aparecida Borsetti Gregório. Ciência da informação e contemporaneidade: tessituras e olhares. Fortaleza: Edições UFC, 2012. p. 184-202.

  • OLIVEIRA, Henry Poncio Cruz de; VIDOTTI, Silvana Ap. Borsetti Gregorio; BENTES, Virgínia. Arquitetura da informação pervasiva [recurso eletrônico] São Paulo: Cultura Acadêmica, 2015.

  • REIS, Guilhermo Almeida dos. Centrando a Arquitetura de Informação no usuário. 2007. 250f. Dissertação (Mestrado em Ciência e Artes) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.

  • ROSENFELD, Louis; MORVILLE, Peter; ARANGO, Jorge. Information Architecture for the Web and beyond. 4. ed. Sebastopol, CA: O’Reilly, 2015.

  • SAYÃO, Luis Fernando. MARCONDES, Carlos Henrique. Software livres para repositórios institucionais: alguns subsídios para a seleção. In: SAYÃO, Luis. et al. Implantação e gestão de repositórios institucionais: políticas, memória, livre acesso e preservação. Salvador: EDUFBA, 2009.

  • VIANA, Cassandra Lúcia de Maya; MÁRDERO ARELLANO, Miguel Ángel. Repositórios institucionais baseados em dspace e eprints e sua viabilidade nas instituições acadêmico-científicas. In: SEMINARIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITARIAS, 14. Anais....,2006. [Conference paper].

  • VIDOTTI, Silvana Aparecida Borsetti Gregório; CUSIN, César Augusto; CORRADI, Jiliane Adne Mesa. Acessibilidade digital sob o prisma da Arquitetura da Informação. In: GUIMARÃES, J. A. C.; FUJITA, M. S. L. Ensino e pesquisa em Biblioteconomia no Brasil: a emergência de um novo olhar. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2008.

  • VON BERTALANFFY, Ludwig. Teoria geral dos sistemas. São Paulo: Vozes, 1975.

Publicado
11-06-2017
Como Citar
GUSMÃO, F. C. M.; SILVA, M. P. DE B. E; PEREIRA, G. M.; LIMA, I. F. DE; OLIVEIRA, H. P. C. DE. Elementos de arquitetura da informação no Repositório Eletrônico Institucional da UFPB. Revista Informação na Sociedade Contemporânea, v. 1, p. 1-21, 11 jun. 2017.