Controle e resistência do magistério capixaba (1908-1909)

“o drama da professora Joanna Passos”

Palavras-chave: Magistério Público, História da Educação, Espírito Santo, Mulheres professoras

Resumo

Investiga o processo de demissão e a inconformidade da professora Joanna Passos, em face dos mecanismos de controle exercidos sobre o magistério público capixaba, nos anos iniciais da República. Analisa o percurso singular e as estratégias jogadas pela docente, utilizando como fontes documentos oficiais, cartoriais e jornalísticos. Considera que os discursos do governador Jerônimo Monteiro e do inspetor geral da instrução pública Carlos Alberto Gomes Cardim, influenciados por ideais iluministas que pareciam defender o avanço dos direitos sociais, deram suporte a práticas coronelistas evidenciadas na relação entre o público e o privado, como o nepotismo e os interesses clientelistas, moralistas e elitistas, que afetavam a prestação de serviços educacionais. Problematiza o debate em torno do “caso Joanna Passos”, registrado pela imprensa, assim como mobilizações populares em apoio à professora, cuja resistência às práticas autoritárias de controle do magistério evidencia margens de possibilidades de escolhas conscientes que alimentam mudanças (LEVI, 1996).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ariadny Bezerra, Universidade Federal do Espírito Santo

Graduada em Pedagogia e Mestre em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). Pesquisa políticas educacionais e o exercício do magistério na História da Educação do Espírito Santo e as abordagens teórico-metodológicas historiográficas da micro-história italiana. Membro do Núcleo Capixaba de Pesquisa em História da Educação (NUCAPHE).

Regina Helena Silva Simões, Universidade Federal do Espírito Santo

Graduação em História, mestrado e doutorado em Educação. Atua no curso de Pedagogia e nos cursos de mestrado e doutorado do Programa de Pós-Graduação em Educação do Centro de Educação da Universidade Federal do Espírito Santo. Pesquisa processos de formação e práticas docentes na história da educação, focalizando especialmente o Estado do Espírito Santo. Principais áreas de interesse: história da educação e formação e prática de professores/as. Coordenadora do Núcleo Capixaba de Pesquisa em História da Educação.

Referências

A PROFESSORA de Santa Leopoldina. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano X, n. 2627, p. 1, 30 out. 1891.

ALMEIDA, Jane Soares de. Indícios do sistema coeducativo na formação de professores pelas escolas normais durante o regime republicano em São Paulo (1890/1930). Educar, Curitiba: Editora UFPR, n. 35, p. 139-152, 2009.

ALMEIDA, José Pires. Tribuna livre. Commercio do Espirito Santo, Vitória, p. 7, 17 jul. 1909.

BALLANDIER, Georges. O poder em cena. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1982.

CALDAS, Eugenio de Souza. Secção Livre. Diário da Manhã, p. 2, 18 maio de 1912.

COMMERCIO DO ESPIRITO SANTO. Commercio do Espirito Santo, Vitória, ano XIX, n. 104, p. 1, 17 maio 1909.

COMMERCIO DO ESPÍRITO SANTO. Commercio do Espirito Santo, Vitória, ano XIX, n. 110, p. 1, 25 maio 1909.

CONTA Alheia. Estado do Espirito Santo, Vitória, p. 2, 10 jul. 1909.

DIAS, Aline; BRITTO, Cristiane; MORATI, Elton; RANGEL, Flávia; LEAL, Gabriela. In: MARTINUZZO. José Antonio (org.). Quase 200: a imprensa na história capixaba. Vitória: DIO, 2008. p. 103-120.

ESCREVEM-NOS. Commercio do Espirito Santo, Vitória, ano X, n. 76, p. 1, 1 abr. 1900.

ESPÍRITO SANTO. Decreto nº. 299 de 20 de março de 1909. Exonera d. Joanna Passos do cargo de professora do ensino primario da povoação Regencia, municipio do Cachoeiro de Santa Leopoldina. Diario da Manhã, Victoria, ano III, n. 62, p. 1, 21 mar. 1909.

ESPÍRITO SANTO. inspetor escolar Alberico Lyrio dos Santos. Relatório enviado ao inspetor geral do ensino do Estado do Espírito Santo. In:______. Ofícios recebidos pelo Diretor da Instrução Pública (1901 - 1913), 17 mar. 1909.

ESPÍRITO SANTO. inspetor geral do ensino 1908-1909: Cardim) Livro n. 112 (275) – Registro de Ofícios do inspetor geral do ensino enviado ao Presidente de Estado, Ofício n.º 45, p. 7, 17 maio 1909.

ESPÍRITO SANTO. inspetor geral do ensino 1908-1909: Cardim) Livro n. 112 (275) – Registro de Ofícios do Inspetor Geral do Ensino enviado ao Presidente de Estado, Ofício n.º 62, p. 10, 27 maio 1909.

ESTADO DO ESPIRITO SANTO. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano XXVIII, n. 114, p. 2, 4 jun. 1909.

FRAGA, Sr. L., Um pouco de tudo. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano XXVIII, n.111, p. 2, 1 de junho de 1909.

FÓRA da lei. Estado do Espirito Santo, ano XXVIII, n. 112, p. 1, 2 jun. 1909.

INFORMES e noticias. Diário da manhã, Vitória, p. 3, 7 fev. 1909.

INFORMES e noticias. Diario da Manhã. Vitória, p. 2, 20 maio 1909.

INFORMES e noticias. Diario da Manhã, Vitória, p. 2, 27 maio 1909.

LEVI, Giovanni. Herança imaterial: trajetória de um exorcista no Piemonte do século XVII. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2000.

LEVI, Giovanni. Usos da biografia. In: FERREIRA, Marieta de Moraes; AMADO, Janaína (org.). Usos e abusos da história oral. Rio de Janeiro: FGV, 1996.

MONTEIRO, Jerônimo. A Imprensa, Rio de Janeiro, p. 6, 9 de junho de 1912.

INTERESSE local. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano XXVIII, n. 106, p. 1, 26 maio 1909.

NA INSTRUCÇÃO Publica a ex-professora Joanna Passos. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano XXVII, n. 107, p. 1, 27 maio 1909.

NAGLE, Jorge. Educação e sociedade na primeira república. São Paulo: EPU, 1974.

NOTAS e cotas. Estado do Espirito Santo, Vitória, n. 106, ano XXVIII, p.1, 26 maio 1909.

O CASO da ex-professora d. Joanna Passos: a conducta do Governo. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano XXVIII, n. 108, p. 1, 28 maio 1909.

O CASO da ex-professora D. Joanna Passos: o governo que foge. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano XXVIII, n. 110, p. 1, 30 maio 1909.

O CASO da ex-professora d. Joanna Passos: Pela honra ultrajada. Estado do Espirito Santo, ano XXVIII, n. 109, p. 1, 29 maio 1909.

O MOVEL da dennuncia: situação aggravada. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano XXVII, n. 109, p. 1, 29 maio 1909.

PASSOS, Joanna. Appello a honra. Estado do Espirito Santo, Vitória, p. 2, 10 jul. 1909.

PASSOS, Joanna. Ao público. Estado do Espirito Santo, Vitória, p. 2, 15 maio 1909.

RUFINO. Francisco. G.D.F Aristides Freire. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano XXVII, n. 288, p. 2, 24 dez. 1908.

SENTINELLA. Joanna Passos: o inquerito. Commercio do Espírito Santo, Vitória, p. 2, 28 maio 1909.

ULTIMA hora. Estado do Espírito Santo, n. 106, ano XXVIII, p. 1, 26 maio 1909.

ULTIMA hora. Estado do Espirito Santo, Vitória, ano XXVIII, n. 110, p. 2, 30 maio 1909.

UM caso serio. Commercio do Espirito Santo, Vitória, ano XIX, n. 111, p. 1, 26 maio 1909.

VERDADEIRA historia passada entre nós. Estado do Espirito Santo, ano XXVIII, Vitória, n. 110, p.1, 30 maio 1909.
Publicado
16-10-2020
Como Citar
Bezerra, A., & Silva Simões, R. H. (2020). Controle e resistência do magistério capixaba (1908-1909). Revista Educação Em Questão, 58(58). https://doi.org/10.21680/1981-1802.2020v58n58ID21595
Seção
Artigos