Texto livre, trabalho colaborativo e imprensa escolar na Pedagogia Freinet

Palavras-chave: Pedagogia Freinet, Prática docente, Métodos alternativos, Inovação pedagógica

Resumo

Em que medida as práticas de ensino desenvolvidas por Célestin Freinet, podem facilitar o processo de ensino-aprendizagem de forma inovadora? Há atualidade na abordagem da Pedagogia Freinet e em suas formas de ensinar? Buscando refletir sobre essas questões, o presente artigo trata de discorrer sobre três práticas, consideradas fundamentais, para que seja possível entender a Pedagogia Freinet e sua essência, sendo elas: o texto livre, o trabalho colaborativo e o jornal escolar. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, realizada a partir do método bibliográfico, baseada em livros, artigos e revistas sobre o tema abordado. Freinet traz consigo um ideal de educação, que reflete seu ideal de sociedade, seus princípios e valores enquanto pensador e enquanto docente. Dessa forma, traremos argumentos e autores que busquem comprovar as implicações positivas das práticas de Freinet para o ensino, e a atualidade desses métodos para a construção de uma prática docente significativa e democrática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Norberto Dallabrida, Universidade do Estado de Santa Catarina

Doutor em História Social pela USP. Possui vínculo ao programa de pós-graduação em Educação da UDESC. Faz parte do grupo de pesquisa: História, tempo presente e culturas escolares.

Denise Furtado, Universidade do Estado de Santa Catarina

Licenciada em Pedagogia pela UDESC. Faz parte do grupo de pesquisa: História, tempo presente e culturas escolares.

Referências

AUDET, Marc. A Pedagogia Freinet. In: GAUTHIER, Clermont; TARDIFF, Maurice A Pedagogia: teorias e práticas da Antiguidade aos nossos dias. Tradução: Lucy Magalhães. Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 2010, p. 254-269.

DUSSEL, Inés; CARUSO, Marcelo. A invenção da sala de aula: uma genealogia das formas de ensinar. São Paulo: Moderna, 2003.

ELIAS, Marisa Del Cioppo. Célestin Freinet: uma pedagogia de atividade e cooperação / Marisa Del Cioppo Elias. 9. ed. – Petrópolis, RJ: Vozes, 2010.

FREINET, Célestin. O Jornal Escolar. Tradução de Filomena Quadros Branco. Lisboa, Editorial Estampa, 1974.

FREINET, Célestin. Para uma escola do povo. Lisboa, Presença, 1973.

FREINET, Célestin. Pedagogia do bom senso. Tradução de J. Baptista. 7. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

FREINET, Élise. O Itinerário de Celéstin Freinet: a livre expressão na Pedagogia Freinet. Trad. Priscila de Siqueira. Rio de Janeiro: Livraria Francisco Alves, 1979.

IMBERNÓN, Francisco. Pedagogia Freinet: a atualidade das invariantes pedagógicas. Tradução: Alexandre Salvaterra. Porto Alegre: Penso, 2012.

SAMPAIO, Rosa Maria Whitaker. Freinet: evolução histórica e atualidades. 2ª ed. São Paulo: Scipione, 2007.

SANTOS, Maria Lúcia dos. A expressão livre no ensino da Língua Portuguesa: Pedagogia Freinet. São Paulo: Scipione, 1993 (Série Pensamento e Ação no Magistério).

SCARPATO, Marta. A livre expressão na Pedagogia Freinet. Revista IberoAmericana de Estudos em Educação. Araraquara, v. 12, n. esp. 1, p.620-628, 2017.

TORNAGHI, Alberto. Educação Pelo Trabalho de Célestin Freinet. 1995. Disponível em:<http://www.educacaopublica.rj.gov.br/biblioteca/educacao/0028c.html>. Acesso em: 23 jan. 2019.

Publicado
18-08-2021
Como Citar
Dallabrida, N., & Furtado, D. (2021). Texto livre, trabalho colaborativo e imprensa escolar na Pedagogia Freinet. Revista Educação Em Questão, 59(60). https://doi.org/10.21680/1981-1802.2021v59n60ID24910
Seção
Artigos