A utilização das tecnologias digitais nas aulas do século XXI

Palavras-chave: Práticas Pedagógicas, Professores, Tecnologias Digitais, Salas de Aula

Resumo

Este artigo pretende caracterizar as concepções e práticas pedagógicas dos professores do Ensino Fundamental e entender o posicionamento da escola em análise face à utilização das tecnologias digitais nas aulas, numa altura em que “o movimento no sentido da personalização já se encontra avançado na medicina e precisamos de avançar rapidamente para este, também no mundo da educação” (ROBINSON, 2019). O estudo empírico enquadra-se numa abordagem qualitativa, mediante a modalidade de estudo de caso, assumindo um cariz interpretativo. Os dados foram recolhidos por meio de análise documental, observação e entrevista, tendo-se procedido à análise de conteúdo dos mesmos, com recurso à triangulação. Participaram, neste estudo, 6 professores do Ensino Fundamental, de uma escola privada de Lisboa, Portugal. Os resultados apontam para a existência de vontade, confiança e competências por parte dos docentes, embora a utilização das tecnologias pelos alunos, em contexto escolar, não seja expressiva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniela Semião, Instituto de Educação da Universidade de Lisboa

Doutoranda em Formação de Professores e Supervisão, no Instituto de Educação da Universidade de Lisboa. Bolsista da Fundação para a Ciência e Tecnologia de Portugal na Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Educação e Formação do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa.

Luís Tinoca, Instituto de Educação da Universidade de Lisboa

Prof. no Instituto de Educação da Universidade de Lisboa. Investigador na Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Educação e Formação, da Universidade de Lisboa. Investigador Colaborador na Universidade Aberta, Laboratório de Educação a Distância e E-learning, Portugal.

Referências

AMADO, João. Manual de investigação qualitativa em educação. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2013.

AZEVEDO, Joaquim. O nosso modelo escolar é do séc. XVIII e não está adaptado à realidade. Diário de Notícias, Lisboa, 25 jan. 2016.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

BENTO, Marco. A cápsula do tempo de um professor a.C. (antes da Covid) e d.C. (durante a Covid). Jornal Público, Lisboa, 2 out. 2020.

COSTA, Fernando Albuquerque; VIANA, Joana; TREZ, Ticiana; GONÇALVES, Catarina; CRUZ, Elisabete. Desenho de atividades de aprendizagem baseado no conceito de aprender com tecnologias. In: CONFERÊNCIA INTERNACIONAL CHALLENGES 2017. Aprender nas nuvens. Anais [...]. Braga, 2017.

CRUZEIRO, Marco; ANDRADE, António; MACHADO, Joaquim. Formação de professores e utilização das tecnologias digitais na escola. Revista Portuguesa de Investigação Educacional, Porto, n. 19, p. 281-307, jan. 2019.

DIREÇÃO GERAL de Estatísticas da Educação e Ciência (Site). Recursos Tecnológicos das Escolas. Disponível em: https://www.dgeec.mec.pt/np4/100/. Acesso em: 27 abr. 2021.

ESCOLA, Joaquim; FLORES, Paula Quadros; PERES, Américo. A concepção de boas práticas segundo os professores do 1º Ciclo do Ensino Básico. In: CONGRESSO LUSOCOM, 8., 2009. Anais [...]. Lisboa: Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, 2009.

EUROPEAN COMISSION. Supporting teacher competence development for better learning outcomes. Brussels: European Comission, 2013.

EUROPEAN COMMISSION/EACEA/EURYDICE. Digital Education at School in Europe. Relatório Eurydice. Luxemburgo: Publications Office of the European Union, 2019.

EUROPEAN UNION (Site). Survey on learning environments. 2019. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/en/pub/viewpoints/surveys/survey-on-learning-environment.htm. Acesso em: 22 abr. 2020.

FERRARINI, Rosilei; SAHEB, Daniele; TORRES, Patricia Lupion. Metodologias ativas e tecnologias digitais. Revista Educação em Questão, Natal, v. 57, n. 52, p. 1-30, abr./jun. 2019. Disponível em: https://doi.org/10.21680/1981-1802.2019v57n52ID15762. Acesso em: 22 abr. 2020.

GILSTER, Paul. Digital Literacy. Nova Iorque: John Wiley, 1997.

IKEDA, Miyako. "Were schools equipped to teach – and were students ready to learn – remotely?". PISA in Focus. OECD Publishing, Paris, n. 108, 29 set. 2020. Disponível em: https://doi.org/10.1787/4bcd7938-en. Acesso em: 27 abr. 2021.

LAGARTO, José Reis. Inovação, TIC e Sala de Aula. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO, 5., 2013. Anais [...]. Universidade Federal de Santa Maria, 2013.

MIRANDA, Guilhermina Lobato. Limites e possibilidades das TIC na educação. Sísifo, Lisboa, n. 3, p.41-50, maio/ago. 2007.

MORIN, Edgar. Eloge de la métamorphose. Le Monde, Paris, 9 jan. 2010.

NÓVOA, António. Educação 2021: para uma história do futuro. Revista Iberoamericana de Educación, n. 49, p. 181-199, jan./abr. 2009.

NÓVOA, António. Os professores e a sua formação num tempo de metamorfose da escola. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 44, n. 3, p. 1-15, set. 2019.

NÓVOA, António; ALVIM, Yara. Nothing is new, but everything has changed: a viewpoint on the future school. Prospects, v. 49, p. 35-41, jul. 2020.

OECD. Teachers' ICT and problem-solving skills: competencies and needs education indicators in focus. Paris: OECD Publishing, 2016.

OECD. "What does innovation in pedagogy look like?". Teaching in Focus. Paris: OECD Publishing, 2018.

OECD. TALIS 2018 Results: Teachers and School Leaders as Lifelong Learners. Paris: OECD Publishing, 2019. (v. 1).

OECD. The impact of covid-19 on education − insights from education at a glance. Paris: OECD, 2020.

OLIVEIRA, Maria do Carmo. #memorialdoconvento: uma abordagem tecnológica. Sisyphus, Lisboa, v. 7, n. 1, p. 103-122, 2019.

PACHECO, José. Aulas no século XXI são um escândalo. Com aulas ninguém aprende. Observador, 10 abr. 2016.

PAIVA, Jacinta; PAIVA, João; FIOLHAIS, Carlos. Uso das tecnologias pelos professores portugueses. Repositório Geral da Universidade de Coimbra, 2003.

PANIGUA, Alejandro; ISTANCE, David. Teachers as designers of learning environments: the importance of innovative pedagogies, educational research and innovation. Paris: OECD Publishing, 2018.

PEDRO, Neuza. "Integração educativa das TIC": proposta de um instrumento e de uma nova abordagem ao conceito. Educação, Formação & Tecnologias, v. 5, n. 1, p. 3-16, maio 2012.

PEDRO, Neuza; MATOS, João Filipe. As Tecnologias nas Escolas: (requerem) novas ferramentas, novos espaços e novas dinâmicas. In: SANTOS, Maria Emília Brederode; MIGUÉNS, Manuel. Estado da Educação 2018 (Conselho Nacional de Educação), Lisboa, 2019. p. 296-303.

PERRENOUD, Philippe. Dez novas competências para uma nova profissão. Pátio, Revista Pedagógica, Porto Alegre, n. 17, p. 8-12, maio/jul. 2001.

PIEDADE, João; PEDRO, Neuza. Análise da utilização das tecnologias digitais por diretores escolares e professores. Revista Educação em Questão, Natal, v. 57, n. 52, p. 1-30, abr./jun. 2019.

PRENSKY, Marc. Digital Natives, Digital Immigrants Part 1. On the Horizon, v. 9, n. 5, p. 1-6, out. 2001.

ROBINSON, Ken. Standardisation broke education. Here's how we can fix our schools. Wired, 22 abr. 2019.

SCHLEICHER, Andreas. Entrevista com Andreas Schleicher, diretor da OCDE para a Educação. [Entrevista cedida a] TVI 24, Portugal, 28 maio 2018. Disponível em: https://tvi24.iol.pt/videos/sociedade/entrevista-com-andreas-schleicher-diretor-da-ocde-para-a-educacao/5b0d1fb20cf29778fd1fecba. Acesso em: 22 abr. 2020.

SCHLEICHER, Andreas. A learning culture for the digital world - something to learn from Moscow? Teacher Magazine, 30 set. 2019.

TRINDADE, Vitor Manuel. Práticas de formação: métodos e técnicas de observação, orientação e avaliação (em supervisão). Lisboa: Universidade Aberta, 2007.

VIANA, Joana; PERALTA, Helena. Aprender na era digital: Do currículo para todos ao currículo de cada um. Revista Portuguesa de Educação, Coimbra, v. 33, n. 1, p. 137-157, jun. 2020.

VINCENT-LANCRIN, Stéphan; GONZÁLEZ-SANCHO, Carlos; BOUCKAERT, Mathias; DE LUCA, Frederico; FERNANDEZ-BARRERRA, Meritxell; JACOTIN, Gwénaël; URGEL, Joaquin; VIDAL, Quentin. Fostering Students' Creativity and Critical Thinking: What it Means in School. Educational Research and Innovation. Paris: OECD Publishing, 2019.

Publicado
23-09-2021
Como Citar
Semião, D., & Tinoca, L. (2021). A utilização das tecnologias digitais nas aulas do século XXI . Revista Educação Em Questão, 59(61). https://doi.org/10.21680/1981-1802.2021v59n61ID25689
Seção
Artigos