Reforma da Educação Profissional no Brasil: marcos regulatórios e desafios

  • Celia Regina Otranto
Palavras-chave: Ensino profissionalizante. Institutos Federais. Política educacional.

Resumo

O artigo apresenta parte de uma pesquisa em andamento,que tem por objetivo investigar a reformada educação profissional brasileira na rede federal,instituída pela Lei nº 11.892/08, registrandoo processo de implantação dos Institutos Federaisde Educação, Ciência e Tecnologia, com base naanálise dos instrumentos legais e nos depoimentosde 107 professores e técnicos-administrativos,alunos e ex-alunos do Mestrado em EducaçãoAgrícola da Universidade Federal Rural do Rio deJaneiro (UFRRJ), lotados em 35 campi dos InstitutosFederais (IFs), localizados nas cinco regiões geográficasdo Brasil. Considerando a brevidade dotempo histórico da reforma que impede análisesmais aprofundadas, o texto apresenta um registrodo processo, e aponta os principais desafios enfrentadospelas instituições para colocar, em prática, aproposta governamental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Celia Regina Otranto
Profa. Dra. Celia Regina OtrantoUniversidade Federal Rural do Rio de Janeiro | Cidade deSeropédica | RJInstituto de EducaçãoDepartamento de Teoria e Planejamento de EnsinoGrupo de Pesquisa | UNIVERSITAS/RIES | Vinculado ao GT 11 |ANPEdPesquisadora do Programa de Educação Agrícola | PPGEAPesquisadora do Programa de Educação, ContextosContemporâneos e Demandas Populares | PPGEducE-mail | celiaotranto@terra.com.br
Publicado
15-04-2012
Como Citar
Otranto, C. R. (2012). Reforma da Educação Profissional no Brasil: marcos regulatórios e desafios. Revista Educação Em Questão, 42(28). Recuperado de https://periodicos.ufrn.br/educacaoemquestao/article/view/4058
Seção
Artigos