Cinema em sala de aula:

reflexões a respeito do emprego de filmes na prática docente

  • Humberto Perinelli Neto Universidade Estadual Paulista
  • Rodrigo Ribeiro Paziani Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Palavras-chave: Prática docente, Tecnologias, Cinema e educação

Resumo

Atualmente, várias são as reflexões sobre o diálogo entre Tecnologias da Informação e Comunicação e Educação. Este artigo, visa, pois, apresentar pesquisa, procurando traçar entendimento sobre o emprego de cinema em salas de aulas do Ensino Fundamental I. Por meio de método “qualiquantitativo”, traçam-se os limites e as possibilidades vinculadas à utilização escolar desse tipo de linguagem. Busca-se, assim, colaborar com a apropriação do cinema nos processos formativos educacionais baseados na autonomia pedagógica, na construção do aprendizado crítico e lúdico e na validade de propostas de ensino, caracterizadas pela inter e transdisciplinaridade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Humberto Perinelli Neto, Universidade Estadual Paulista

Prof. Dr. Humberto Perinelli Neto

Universidade Estadual Paulista | São José do Rio Preto

Departamento de Educação

Grupo de Pesquisa Centro Interdisciplinar de Estudos Regionais | UNESP

Formação Docente e Práticas Educativas | UNESP

E-mail | perinellineto@yahoo.com.br

Rodrigo Ribeiro Paziani, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Prof. Dr. Rodrigo Ribeiro Paziani

Universidade Estadual do Oeste do Paraná | Unioeste | Campus de Marechal Candido Rondon

Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras (CCHEL)

Programa de Pós-Graduação em História (Mestrado) |Unioeste |Marechal Candido Rondon

Grupo de Pesquisa Centro Interdisciplinar de Estudos Regionais | UNESP

Formação Docente e Práticas Educativas | UNESP

História Social do Trabalho e da Cidade | Unioeste | Marechal Candido Rondon

E-mail | rpaziani@yahoo.com.br

Referências

ALMEIDA, Milton José. Imagens e sons: a nova cultura oral. São Paulo: Cortez, 2001.

ALMEIDA, Milton José. Cinema − arte da memória. Campinas: Autores Associados, 2009.

ALMEIDA, Maria Elizabeth Bianconcini; VALENTE, José Armando. Integração currículo e tecnologias e a produção de narrativas digitais. Currículo sem Fronteiras, v. 12, n. 1, p. 57-82, set./dez. 2012.

ALVES-MAZZOTTI, Alda; GEWANDSZNAJDER, Fernando. O método nas ciências naturais e sociais: pesquisa quantitativa e qualitativa. São Paulo: Pioneira, 1999.

ANDRÉ, Marli; LUDKE, Menga. Estudo de caso em pesquisa e avaliação educacional. Brasília: Líber livro, 2005.

ARAÚJO, Inácio. Cinema: o mundo em movimento. São Paulo: Scipione, 1995.

ARAÚJO FILHO, Waldemir de. Cinema e ensino de história na perspectiva de professores de história. 2007. 116 f. Dissertação (Mestrado em Educação) − Programa de Pós-Graduação em Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2007.

AZEVEDO, Abílio. Territorialidade e Plano Diretor em São José do Rio Preto. 2004. 275f. Dissertação (Mestrado em Geografia) − Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Estadual Paulista de Rio Claro, Rio Claro, 2004.

BABBIE, Earl. Métodos de pesquisa de Survey. Tradução Guilherme Cezarino. 3. ed. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2005.

BARRETO, Raquel Goulart. Formação de professores, tecnologias e linguagens: mapeando velhos e novos (des) encontros. São Paulo: Loyola, 2002.

BAYÃO, Luiz Gustavo. Escrevendo curtas: uma introdução à linguagem cinematográfica do curta-metragem. Niterói: Nitpress, 2002.

BELLONI, Maria Luiza; BÉVORT, Evelyne. Midia-educação: conceitos, história e perspectivas.

Educação & Sociedade, Campinas, v. 30, n. 1, p. 1081-1102, set./dez. 2009.

BENTES, Ivana. Ecos do cinema – de Lumiére ao digital. Rio de Janeiro: Editora da UFRJ, 2007.

BITTENCOURT, Circe Maria Fernandes. Ensino de história: fundamentos e métodos. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

CABRERA, Julio. O cinema pensa − uma introdução à filosofia através dos filmes. Rio de Janeiro: Rocco, 2006.

CARVALHO, Elma Julia Gonçalves de. Cinema, história e educação. Teoria e Prática da Educação, Maringá, v. 3, n. 5, p. 121-131, set. 1998.

CARVALHO, Joelson Gonçalves de (Org.). Dimensões regionais e urbanas do desenvolvimento socioeconômico em São José do Rio Preto. São José do Rio Preto: Microlins do Brasil, 2007.

CATELI, Rosana Elisa. Dos “naturais” ao documentário: o cinema educativo e a educação do cinema, entre os anos 1920 e 1930. 2007. 244 f. Tese (Doutorado em Multimeios) − Programa de Pós-Graduação em Multimeios, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2007.

CHARNEY, Leo; SCHWARTZ, Vanessa (Org.). O cinema e a invenção da vida moderna. Tradução Regina Thompson. São Paulo, Cosac Naify, 2001.

COLL, César; MONEREO, Carles (Org.). Psicologia da educação virtual: aprender e ensinar com as tecnologias da informação e da comunicação. Tradução Naila Freitas. Porto Alegre: Artmed, 2010.

CRARY, Jonathan. Techniques of the observer: on vision and modernity in the modernity in the nineteenth century. Cambridge/Massachussets: MIT Press, 1995.

DE LUCA, Luiz Gonzaga. A hora do cinema digital: democratização e globalização do audiovisual. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2009.

DENZIN, Norman; LINCOLN, Yvonna. Planejamento da pesquisa qualitativa: teorias e abordagens. Porto Alegre: Artmed, 2006.

DUARTE, Rosália. Cinema e educação: refletindo sobre cinema e educação. 3. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2009.

DUARTE, Rosália; LEITE, Camila Rodrigues; MIGLIORA, Rita. Produção de sentido e construção de valores na experiência com o cinema In: SETTON, Maria das Graças (Org.). A cultura da mídia na escola: ensaios sobre cinema e educação. São Paulo: Annablume, 2004.

FARIA, Gentil. A educação primária em Rio Preto: o processo de municipalização do ensino. São José do Rio Preto: THS/Arantes, 2008.

FISCHER, Rosa Maria. Docência, cinema e televisão: questões sobre formação ética e estética. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 14, n. 40, p. 93-102, jan./abr. 2009.

FONSECA, Selva Guimarães. Caminhos da história ensinada. Campinas: Papirus, 1993.

FONSECA, Selva Guimarães. Didática e prática de ensino de história. 8. ed. Campinas: Papirus, 2009.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática docente. São Paulo: Paz e Terra, 2008.

GAMBOA, Silvio Sanchez (Org). Pesquisa educacional: quantidade-qualidade. São Paulo: Cortez, 1997.

GARCIA CANCLINI, Néstor. Leitores, espectadores e internautas. Tradução Ana Golberger. São Paulo: Iluminuras, 2008.

JOLY, Martine. Introdução à análise da imagem. 14. ed. Tradução Marina Appenzeller. Campinas: Papirus, 2012.

KONRATH, Maria Lúcia; CARNEIRO, Maria Lúcia; CARVALHO, Marie Jane; TAROUCO, Liane Margarida. Explorando estratégias pedagógicas através de “Nós no mundo. ” Novas Tecnologias na Educação, Porto Alegre, v. 4, n. 2, p. 1-9, dez. 2006.

MESQUITA, Claudia; LINS, Consuelo. Filmar o real: sobre o documentário brasileiro contemporâneo. Rio de Janeiro: Zahar, 2008.

MINAYO, Maria Cecília; DESLANDES, Suely Ferreira & GOMES, Romeu (Org.). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. Petrópolis: Vozes, 2000.

MOLETTA, Alex. Criação de curta metragem em vídeo digital: uma proposta para produções de baixo custo. São Paulo: Summus, 2009.

MONTEIRO, Ana Nicolaça. O cinema educativo como invocação pedagógica na escola primária paulista (1933-1944). 2006. 169f. Dissertação (Mestrado em Educação) − Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006.

NAPOLITANO, Marcos. Como usar o cinema na sala de aula. 5. ed. São Paulo: Contexto, 2011.

NASCIMENTO, Vera Lúcia do. Cinema e ensino de história: em busca de um final feliz. Urutágua, Maringá, v.1, n. 16, p. 11-19, ago./nov. 2008.

NOVAES, Adauto (Org.). O olhar. São Paulo: Companhia da Letras, 1997.

PERINELLI NETO, Humberto. Tempo, espaço e cinema: prática de ensino de história e geografia. In: GRANVILLE, Maria Antônia (Org.). Currículos, sistemas de avaliação e práticas educativas: da escola básica à universidade. Campinas: Papirus, 2011.

PIMENTA, Selma Garrido (Org.). Saberes pedagógicos e atividade docente. São Paulo: Cortez, 1999.

PONTUSCHKA, Nídia; PAGANELLI, Tomoko; CACETE, Núria (Org.). A linguagem cinematográfica no ensino de geografia. In: Para ensinar e aprender geografia. São Paulo: Cortez, 2009.

POURRIOUL, Ollivier. Cinéfilo − as mais belas questões de filosofia no cinema. Tradução André Telles. Rio de Janeiro: Zahar, 2009.

SALIBA, Maria Eneida Fachini. Cinema contra cinema: o cinema educativo de Canuto Mendes (1922-1931). São Paulo: Annablume/Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, 2003.

SETTON, Maria da Graça (Org.). A cultura da mídia na escola − ensaios sobre cinema e educação. São Paulo: Annablume, 2004.

SOARES, Marisa. Cinema e história ou cinema na escola. Primeiros Escritos, Niterói, v. 1, n. 1, p. 237-250, jul./ago. 1994.

SPSS. Statistical Package for the Social Sciences. IBM SPSS statistics for windows v.20.0. Chicago: SPSS Inc., 2011.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. Tradução Francisco Pereira. Petrópolis: Vozes, 2002.

TRIVINÕS, Augusto. Introdução à pesquisa em ciências sociais − a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo: Atlas, 1992.

VARGAS, Ariel; ROCHA, Heloísa & FREIRE, Fernanda. Promídia: produção de vídeos digitais no contexto educacional. Novas Tecnologias na Educação, Porto Alegre, v. 5, n. 2, p. 145- 151, dez. 2007.

XAVIER, Ismail. Cinema: revelação e engano. In: NOVAES, Adauto (Org.). O olhar. São Paulo: Companhia das Letras, 2002.

WAINER, Julio. Idéia, imagens e sons: caminhos para a estruturação de um documentário. 2010. 122f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) − Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.

Publicado
20-09-2016
Como Citar
Perinelli Neto, H., & Paziani, R. R. (2016). Cinema em sala de aula:. Revista Educação Em Questão, 54(40), 178-204. https://doi.org/10.21680/1981-1802.2016v54n40ID9853
Seção
Artigos