RACISMO, ETNOCENTRISMO E RESISTÊNCIA ANTICOLONIAL NO FILME "LA ÚLTIMA CENA".

Autores

  • Ana Laudelina Ferreira Gomes

Resumo

O filme La última cena (1976), do diretor Tomás Gutiérrez Alea, se passa em
Cuba, no final do século XVIII, numa plantação de açúcar e engenho explorado por
um Conde que tem por mão de obra escravos negros. Na Quinta-feira Santa, doze
escravos são convidados pelo Conde para cear com ele ao redor de uma grande
mesa,   experiência que os faz reencontrar o sentido da dignidade humana e os
levam a revoltarem-se. (Conforme síntese do “I Colóquio de Leituras Orientadas”
(CLEO) do CCHLA/UFRN, abril de 2010).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

26-12-2014

Como Citar

GOMES, A. L. F. RACISMO, ETNOCENTRISMO E RESISTÊNCIA ANTICOLONIAL NO FILME "LA ÚLTIMA CENA". Revista Inter-Legere, [S. l.], n. 15, p. 370–374, 2014. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/interlegere/article/view/6386. Acesso em: 6 dez. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>