Análise dos Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino de História

uma reflexão sobre o uso de fontes históricas em sala de aula.

  • Raylane Andreza Dias Navarro Barreto Universidade Federal de Pernambuco
  • Tayanne Adrian Santana Morais da Silva Universidade Federal de Pernambuco
  • Raquel Barreto Nascimento Universidade Federal de Pernambuco
Palavras-chave: Ensino de História. Parâmetros Curriculares. Fontes Históricas.

Resumo


O presente estudo trata-se de uma análise sobre o uso de fontes históricas em sala de aula segundo a perspectiva dos Parâmetros Curriculares Nacionais para o ensino de História. Primeiramente, nos propomos a tecer uma análise acerca da perspectiva de utilização das fontes históricas apontadas pelos PCN’s, buscando localizar a elaboração deste documento em um contexto de influência da Escola dos Annales e de construção de um Brasil democrático. Em seguida, apontamos uma discussão teórica a respeito do uso de fontes em sala de aula, à luz dos estudos dos autores Albuquerque Jr. (2012), Caimi (2008), Fico (2012), Pereira e Seffner (2008). Por fim, apontamos as possibilidades do uso da Capoeira como fonte histórica com base nas recomendações dos PCN’s de História.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tayanne Adrian Santana Morais da Silva, Universidade Federal de Pernambuco

Graduanda de Licenciatura em História pela Universidade Federal de Pernambuco, membro do Grupo de Estudos e Pesquisa Interdisciplinar em Formação Humana, Representações e Identidades, Coordenadora e Professora voluntária do pré-acadêmico Portal da UFPE e bolsista do projeto de pesquisa de Iniciação Científica intitulado "A educação de mulheres ao longo dos séculos XIX e XX", financiado pela Facepe (Fundação de Amparo a Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco).

Raquel Barreto Nascimento, Universidade Federal de Pernambuco

Graduanda no curso de Licenciatura em História pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), integrante do Grupo de Estudos e Pesquisa Interdisciplinar em Formação Humana, Representações e Identidades (GEPIFHRI). 

Referências

  • Albuquerque Júnior, D. M. D. Fazer Defeitos nas Memórias: para que servem a escrita e o ensino da história. Qual o valor da História hoje, 1, 21-39.

  • Bittencourt, C. (2004). Materiais didáticos: concepções e usos. In: ____. Ensino de História: fundamentos e métodos. São Paulo: Cortez, 2004, p. 295 – 324.

  • Caimi, F. E. (2008). Fontes históricas na sala de aula: uma possibilidade de produção de conhecimento histórico escolar. Anos 90 (UFRGS. Impresso), v. 15, p. 129-150, 2008.


  • Fico, C. (2012). História do Tempo Presente, eventos traumáticos e documentos sensíveis: o caso brasileiro. Varia História (UFMG. Impresso), v. 28, p. 43-59, 2012.

  • Fonseca, S. G. (2003). Didática e Prática de Ensino de História. Campinas: Papirus.

  • Le Goff, J. (1990). História e memória. Tradução: Bernardo Leitão (et al). Campinas, SP, Editora da UNICAMP.


  • Libâneo, J. C. (2003). Planejamento escolar. In.: Didática. São Paulo: Cortez Editora.

  • Melo, S. F. (2008). A poesia oral da capoeira: Fonte de leituras sobre o negro afro-brasileiro. 2008, XI Congresso Internacional da ABRALIC, USP, São Paulo/SP.

  • Oliveira, J. P., Leal, L. A. P. (2009). Por uma historiografia da capoeira no Brasil. In: Capoeira, identidade e gênero: ensaios sobre a história social da capoeira no Brasil [online]. Salvador: EDUFBA, 2009, pp. 26-41

  • Pereira, N. M.; Seffner, F. (2008). O que pode o ensino de História? Sobre o uso de fontes na sala de aula. Anos 90 (UFRGS. Impresso), v. 15, p. 113-128, 2008.

  • Reznik. L; Monteiro, A. M. (Orgs.). (2012) Qual o valor da história hoje? Rio de Janeiro: Editora FGV, 2012, p. 21-39.

Publicado
31-12-2019
Como Citar
Barreto, R. A. D. N., Silva, T. A. S. M. da, & Nascimento, R. B. (2019). Análise dos Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino de História. History of Education in Latin America - HistELA, 2, e19540. Recuperado de https://periodicos.ufrn.br/histela/article/view/19540
Edição
Seção
Artigos