O arquivo pessoal de José Simeão Leal como fonte de informação e memória

Autores

  • Renata Lopes de Santana Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

DOI:

https://doi.org/10.21680/2447-0198.2018v2n0ID13512

Palavras-chave:

Arquivos Pessoais. José Simeão Leal. Memória. Informação.

Resumo

Este artigo tem como objetivo verificar os diferentes exercícios de memória envidados por José Simeão Leal, através de suas anotações de campo, manuscritos e testemunhos na observância da cultura brasileira, em especial a paraibana. Neste sentido, este estudo foca em seu Arquivo Pessoal, tornando dar visibilidade e (re)conhecimento ao titular, José Simeão Leal, bem como aos vários conjuntos e coleções documentais que o compõem. Para tanto, relatamos sua trajetória de vida pessoal e, concomitantemente, sua vida profissional como disseminador da cultura brasileira. Mais adiante, abordamos o contexto de formação dos Arquivos Pessoais e sua relevância como fonte de informação e memória. Por fim, de forma narrativa, descrevemos os artefatos informacionais, gêneros e tipos de documentos que compõem o Arquivo Pessoal de José Simeão Leal, patrimônio custodiado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Lopes de Santana, Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

Mestranda em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB);

Especialista em Gestão Documental pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN);

Graduada em Arquivologia pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB);

Estudante do curso de Licenciatura em Letras Português pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) 

Referências

ARTIERCS, Philippc. Arquivar a própria vida. Estudos Históricos. Rio de Janeiro: CPDOC/FVG, 1998.

BELLOTTO, Heloísa Liberalli. Arquivos permanentes: tratamento documental. 5. ed. Rio de Janeiro: FGV, 2007.

______. Arquivos permanentes: tratamento documental. 4. ed. Rio de Janeiro: FGV, 2006.

CAMARGO, Ana Maria de Almeida. Contribuição para uma abordagem diplomática dos arquivos pessoais. E-mail para Zeny Duarte. 18 maio 1998.

COOK, Terry. Arquivos pessoais e arquivos institucionais: para um entendimento arquivístico comum da formação da memória em um mundo pós-moderno. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, v. 11, n. 21, 1998.

GONÇALVES, Manuel Silva; GUIMARÃES, Paulo Henrique; PEIXOTO, Pedro Abreu. Arquivos de família: organização e descrição. Vila Real: Universidade de Trá-os-Montes e Alto Douro, 1996. 55p.

OLIVEIRA, B. M. J. F. de. José Simeão Leal: escritos de uma trajetória. Tese (Doutorado em Letras). Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2009.

OLIVEIRA, B. M. J. F., CÓRDULA, A. C. C., ANDRADE, B. A. DIREITO À MEMÓRIA: processo de tombamento do acervo José Simeão Leal. In: Revista brasileira de arqueometria, restauração e conservação. v.3, p.1 - 6, 2011

SCHELLENBERG, T.R. Arquivos modernos: princípios e técnicas. Tradução NilzaTeixeira Soares. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1974. 345p.

SILVA, Armando B. Malheiro et al. Arquivística: teoria e prática de uma ciência da informação. Porto: Afrontamento, 1999. 254p. (Biblioteca das Ciências do Homem, Série Plural, 2).

Downloads

Publicado

24-08-2018

Como Citar

DE SANTANA, R. L. O arquivo pessoal de José Simeão Leal como fonte de informação e memória. Revista Informação na Sociedade Contemporânea, [S. l.], v. 2, p. 1–12, 2018. DOI: 10.21680/2447-0198.2018v2n0ID13512. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/informacao/article/view/13512. Acesso em: 1 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos