EXPERIÊNCIA E POBREZA

UM OLHAR PARA REALIDADE A PARTIR DE WALTER BENJAMIN

Autores

  • MAURICIO INACIO DOS SANTOS UNIPAC

DOI:

https://doi.org/10.21680/1984-3879.2024v24n1ID34567

Palavras-chave:

Experiência; Vivência; Tecnologia; Empobrecimento; Sociedade

Resumo

A busca por compreender o sentido de experiência na vida humana marcou os escritos de Walter Benjamin. Sua obra é perpassada por essa busca e pela compreensão do seu empobrecimento na modernidade, a partir dos diversos inventos, técnicas e tecnologias que mudaram radicalmente a existência do indivíduo em sociedade. Experiência e pobreza: um olhar para realidade a partir de Walter Benjamin é uma reflexão sobre o empobrecimento do sentido experiência em nossos dias, considerando o olhar benjaminiano. O objetivo deste artigo é discutir, em breves palavras, como o conceito e reflexão sobre experiência e sobretudo o seu empobrecimento é ainda importante e capaz de ajudar na compreensão de nossa realidade. Trata-se de uma proposta de reflexão dos textos de Benjamin que tratam do tema experiência, sobretudo “Sobre o programa de filosofia do por vir” e “Experiência e Pobreza”, tomando como referência a discussão entre vivência e experiência, ambas capturadas pela sociedade capitalista, tornando-se empobrecida e desconectada da realidade. Resgatar o verdadeiro sentido de experiência que possa nortear a existência humana é um imperativo que se impõe. Como superar a mecanização da vida impetrada pela tecnologia é questão que se apresenta na tentativa não de negação da tecnologia, mas de uma reflexão crítica de suas influências subjetivas no indivíduo e em uma sociedade movidos pelo excesso de informação e tecnologia. Buscar o sentido da experiência, na perspectiva benjaminiana, pode ser um caminho de reconstrução do ser humano tão danificado e diminuído em uma sociedade que primou demasiadamente pela razão e pela técnica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AGAMBEM, G. Infância e História: destruição da experiência e origem da história. Tradução Henrique Burigo. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2005.

BENJAMIN, W. Sobre el Programa de la Filosofia Futura. In: Sobre el Programa de La Filosofia Futura y otros ensayos. Trad. espanhol Roberto J. Vernengo. Caracas: Monte Avila Editores, 1970. Disponível em: < http://puertolibros.com/detalle_libro.php?libro=12418 >. Acesso em: 25 de Ago. 2023.

______. Experiência e pobreza. In: Magia e Técnica, Arte e Política. Trad. Paulo Sérgio Rouanet. São Paulo: Brasiliense, 1986.

______. Experiência e pobreza. Documentos de Cultura, documentos de barbárie: escritos escolhidos. (Trad. Celeste H. M. Ribeiro de Souza e outros). São Paulo: Cultrix, 1986, p. 195-99.

______. A obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica. Magia e Técnica, Arte e Política. São Paulo: Brasiliense, 1987. p. 213-248.

______. Charles Baudelaire, um lírico no auge do capitalismo. Trad. José Martins Barbosa e Hermerson Alves Batista. São Paulo: Brasiliense, 1989. (Obras escolhidas, v.3)

______. Sobre Arte, Técnica, Magia e Política. Trad. Maria Luz Moita. Lisboa: Relógio D`Água, 1992 a.

______. Teses sobre a filosofia da história. In: Sobre Arte, Técnica, Magia e Política. Trad. Maria Luz Moita. Lisboa: Relógio D`Água, 1992 b.

______. Magia e técnica, arte e política. Obras escolhidas. 7 a edição. Tradução de Sergio Paulo Rouanet. São Paulo: Brasiliense, 1992 c.

______. A obra de arte na época de sua reprodutibilidade técnica. Apresentação, Tradução e Notas: Francisco De Ambrosis Pinheiro Machado, 1ª Reimpressão, Porto Alegre, RS: Zouk, 2012.

______. A Obra de arte na Era de Sua Reprodutibilidade Técnica (Org. e Prefácio – Márcio Seligmann-Silva). Tradução: Gabriel Valladão Silva, 1ª Edição, Porto Alegre, RS: L&PM, 2013.

GAGNEBIN, J. M. Do Conceito de Mímesis no Pensamento de Adorno e Benjamin. Perspectivas, v. 16, 1993

______. Nas fontes paradoxais da crítica literária. Walter Benjamin relê os românticos de Iena. In: Leituras de WB. Org Marcio Seligman Siva. São Paulo: FAPESP: Annablume, 1999.

______. Le printemps adorable a perdu son odeur (A primavera adorável perdeu o seu odor). 2007. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-106X2007000100005&lng=en&nrm=iso&tlng=pt>. Acesso em: 17 de jul. 2023.

JAREK, M. Por uma outra experiência na Educação. In: MARTINS, Francisco Marcos. Filosofia da Educação: ensaio sobre autores clássicos. EDUFUSCAR. São Carlos 2014.

JUNKES, D. Por uma outra experiência na Educação. In: MARTINS, Francisco Marcos. Filosofia da Educação: ensaio sobre autores clássicos. EDUFUSCAR. São Carlos 2014.

KANT, I. Resposta à pergunta: o que é o esclarecimento? In: Kant, Textos seletos. Trad.: Raimundo Vier. 3. edição. Petrópolis, Vozes, 2005.

______. Prolegômenos a toda a metafísica futura que se possa aprender como ciência. Trad. Tânia Maria Beernkopf. In: Os Pensadores. São MEINERZ, 2008. São Paulo: Abril Cultural, 1974.

KONDER, L. Walter Benjamin: o marxismo da melancolia. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

LARROSA, J. Notas sobre a experiência e o saber da experiência. Revista Brasileira de Educação. Nº 19. Jan-Abr 2002. Disponível em: <http://www.anped.org.br/rbe/rbedigital/RBDE19/RBDE19_04_JORGE_LARROSA_BONDIA.pdf.>. Acesso em: 20 de Ago. 2023.

MATOS, O. A escola de Frankfurt. Luzes e sombras do iluminismo. São Paulo: Moderna, 1993.

______. O Iluminismo visionário: Benjamin, leitor de Descartes e Kant. São Paulo: Brasiliense, 1993.

______. Os arcanos do inteiramente outro. Escola de Frankfurt, a melancolia e a revolução. São Paulo: Brasiliense, 1989.

MEINERZ, A. Concepção de experiência em Walter Benjamin. Dissertação (Mestrado em Filosofia) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, 2008. Acesso em: 25 de março de 2015. Disponível em: <http://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/15305/000677160.pdf>. Acesso em: 23 de Ago. 2023.

Downloads

Publicado

19-02-2024

Como Citar

DOS SANTOS, M. I. EXPERIÊNCIA E POBREZA: UM OLHAR PARA REALIDADE A PARTIR DE WALTER BENJAMIN. Saberes: Revista interdisciplinar de Filosofia e Educação, [S. l.], v. 24, n. 1, p. AR06, 2024. DOI: 10.21680/1984-3879.2024v24n1ID34567. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/saberes/article/view/34567. Acesso em: 13 jul. 2024.