“GRADIENTES DE RESISTÊNCIA”, “MODOS DE EXISTÊNCIA” E AS PARACIÊNCIAS EM BRUNO LATOUR

Autores

  • Rafael Antunes Almeida IFC

DOI:

https://doi.org/10.21680/1982-1662.2016v1n19ID11778

Palavras-chave:

Antropologia das paraciências, Antropologia do segredo, Modos de existência, Gradientes de resistência, Antropologia da ciência

Resumo

Este trabalho consiste em uma leitura das noções de “gradientes de resistência” e “modos de existência” com vistas a apreciar a possibilidade de uma antropologia das paraciências nos quadros da Teoria do Ator Rede. Depois de discutir brevemente os últimos conceitos, sugere-se a centralidade da categoria do “segredo” para pensar o modo como as redes das paraciências se expandem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Antunes Almeida, IFC

Doutor em Antropologia pela Universidade de Brasília. Durante o doutorado, atuou como pesquisador visitante no  Departamento de Antropologia do Mount Holyoke College, na qualidade de bolsista de Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior (PNPD/CAPES). Foi professor do Departamento de Ciências Sociais da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais e da Fundação Educacional do Vale do Jequitinhonha (FEVALE). Atualmente é professor do Instituto Federal Catarinense

Downloads

Publicado

07-04-2017

Como Citar

ALMEIDA, R. A. “GRADIENTES DE RESISTÊNCIA”, “MODOS DE EXISTÊNCIA” E AS PARACIÊNCIAS EM BRUNO LATOUR. Revista Inter-Legere, [S. l.], v. 1, n. 19, p. 21–34, 2017. DOI: 10.21680/1982-1662.2016v1n19ID11778. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/interlegere/article/view/11778. Acesso em: 13 jul. 2024.

Edição

Seção

DOSSIÊ TEORIA ATOR-REDE