Cultura, patrimônio e as festas religiosas: uma relação com o desenvolvimento turístico de Luziânia/GO

  • Carla Adriana Oliveira Silva Universidade de Brasília
Palavras-chave: Cultura. Patrimônio. Festas Religiosas. Turismo. Luziânia.

Resumo

Preservar os patrimônios tangíveis e intangíveis é fator fundamental para que se possa conhecer a história cultural, social e política de determinado local. O turismo vem se destacando ao longo dos anos não apenas como fator de desenvolvimento econômico, mas também como agente no ato de rememorar e preservar os patrimônios históricos e culturais. Luziânia é uma cidade que está localizada no Estado de Goiás, conhecida por ser uma das mais antigas do planalto central e por possuir um rico patrimônio, tangível e intangível, com forte potencial para alavancar o desenvolvimento turístico do município. Desta forma, o objetivo do estudo em tela é avaliar como as festas históricas e religiosas de Luziânia podem ser importantes para o desenvolvimento turístico e preservação dos patrimônios da cidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Adriana Oliveira Silva, Universidade de Brasília
Centro de Excelência em Turismo - UnB

Referências

ABREU, M. "Nos requebros do Divino": lundus e festas populares no Rio de Janeiro do século XIX. In: CUNHA, M. C. P. (Org.). Carnavais e outras f(r)estas: ensaios de história social da cultura. Campinas, SP: Editora da Unicamp/CECULT, 2002. p. 247-280.

ALBUQUERQUE JÚNIOR, D. M. Teorias e políticas da cultura: visões Multidisciplinares. Salvador: EDUFBA, 2007.

BARBOSA, Y. M. O despertar do turismo: uma visão crítica dos não lugares. São Paulo: Aleph, 2001.

BARRETTO, M. Turismo e Legado Cultural: as possibilidades do planejamento. São Paulo: Papirus, 2000.

BRASIL, Ministério do Turismo. Diretrizes para o desenvolvimento do turismo cultural. 2. ed. Brasília: MTur, 2008.

CUCHE, D. A noção de cultura nas ciências sociais. 2 ed. Bauru: EDUSC, 2002.

DELGADO, L. A. N. História Oral – memória, tempo, identidades. Belo Horizonte: Autentica, 2010.

FERREIRA, M. L. M. Patrimônio: Discutindo alguns conceitos. In: Diálogos, DHI/PPH/UEM, v. 10, n. 3, p. 79-88, 2006.

FERREIRA, L. D. M. Festas religiosas: uma manifestação cultural de Mariana. Ouro Preto: ETFOP, 2009.

FONSECA, M. C. L. Para Além da Pedra e Cal: Por uma concepção Ampla de Patrimônio Cultural. In: ABREU, R.; CHAGAS, M. (orgs.). Memória e patrimônio: ensaios contemporâneos. Rio de Janeiro: DP&A, 2009.

GEERTZ, C. A interpretação das culturas. Rio de Janeiro: LTC, 2008

GIL, A. Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 3. Ed. São Paulo: Atlas, 1991. 207 p.

GONÇALVES, J.R. O Patrimônio Como Categoria de Pensamento. In: ABREU, Regina; CHAGAS, Mário (orgs.). Memória e patrimônio: ensaios contemporâneos. Rio de Janeiro: DP&A, 2009.

IPHAN. Patrimônio Cultural. 2007. Disponível em: < http://portal.iphan.gov.br/portal/montarPaginaSecao.do?id=20&sigla=PatrimonioCultural&retorno=paginaIphan >. Acesso em 19 set. 2011.

LARAIA, R. B. Cultura: um conceito antropológico. 11º ed. Rio de Janeiro: J. Zahar, 1997.

LÓPES, T. Fragmentando os roteiros turísticos sobre Ouro Preto. In: BANDUCCI, Á.; BARRETTO, M. Turismo e Identidade Cultural: uma visão antropológica. São Paulo: Papirus, 2001.

LUCAS, S. M. M. Vale a Pena Preservar. Turismo Cultural e Desenvolvimento Sustentável. 2003.

MOESCH, M. M. Epistemologia social do turismo. Tese (Doutorado em Relações Públicas, Propaganda e Turismo). Escola de Comunicação e Arte. Universidade de São Paulo, Brasília, 2004.

RODRIGUES, A. B. Turismo e geografia: Reflexões teóricas e enfoques regionais. São Paulo: Hucitec,1996.

RUSCHMANN, D. V. M. Turismo e Planejamento Sustentável: A Proteção do Meio Ambiente. Campinas, São Paulo: Papirus, 1997.

SOUZA, R. L. de. Festas, procissões, romarias, milagres : aspectos do catolicismo popular / Ricardo Luiz de Souza. – Natal : IFRN, 2013. 160p.

TORMIN, C. V. Um lugar e suas raízes. O pensamento político em Luziânia/GO. Dissertação (Mestrado em Geografia). Departamento de Geografia, Instituto de Ciências Humanas, Universidade de Brasília, Brasília, 2004, mímeo, 140 p.

TYLOR, E. Primitive Culture. Londres, John Mursay & Co.1958.

VELOSO, J. G. A visita do Divino. Thesaurus, Brasília, 2009.

VELOSO, M. Patrimônio imaterial, memória coletiva e espaço público. In: TEIXEIRA, J. G. L.C.; GARCIA, M. V. C.; GUSMÃO, R. (Org.). Patrimônio Imaterial, Performance Cultural e (Re)Tradicionalização. 1ed. Brasília, 2004, v. 1, p. 31-36.

Publicado
01-07-2015
Como Citar
SILVA, C. A. O. Cultura, patrimônio e as festas religiosas: uma relação com o desenvolvimento turístico de Luziânia/GO. Revista de Turismo Contemporâneo, v. 3, n. 1, 1 jul. 2015.
Seção
Artigos