ANÁLISE SOBRE O ESTADO DE CONSERVAÇÃO DO LIVRO ESCOLAR EM ESCOLAS PRIMÁRIAS DA CIDADE DE LICHINGA-MOÇAMBIQUE

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/1984-3879.2024v24n1ID32544

Palavras-chave:

Conservação. Livro Escolar. Processo de Ensino e Aprendizagem.

Resumo

O livro escolar é um material didático de grande importância para transmissão e aquisição de conhecimentos, capacidades e habilidades aos alunos no processo de ensino - aprendizagem. Com este estudo, objetiva-se analisar o estado de conservação do livro escolar em Escolas Primárias da cidade de Lichinga, Província de Niassa, em Moçambique. Metodologicamente, o estudo teve uma abordagem de natureza qualitativa, seguindo o paradigma descritivo. Para a efectivação deste estudo optou-se pela revisão bibliográfica associada a análise de conteúdo. Os resultados obtidos demostram que a conservação do livro escolar é extremamente fulcral para dinamizar a actividade pedagógica e, continua a ser um desafio tendo em conta que os mecanismos usados pelas escolas para a conservação do livro escolar não têm surtido efeitos satisfatórios, uma vez que as escolas não têm armazéns ou locais específicos para conservação do livro escolar, daí que, o envolvimento de todos segmentos da sociedade no sistema educativo é basicamente determinante. Todavia, somos de opinião que se faça uma reflexão profunda sobre a estratégia ou formas de conservação do livro escolar nas escolas com vista a garantir a disponibilidade desse material didático e a melhoria da qualidade de ensino e aprendizagem dos alunos em Moçambique.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALEXANDRE, S. F. Aprendizagem e suas Implicações no Processo Educativo. Revista de Letras da UEG. São Luís de Montes Belos: Editora Ícone. 2010.

BANDE, A. Negócio do livro escolar em Moçambique: quanto custa, quem ganha, quem perde e que reformas são necessárias? CIP- Centro de Integridade Pública. Maputo, Moçambique. 2022.

BOGDAN, R.; BIKLEN S. Investigação Qualitativa em Educação: Uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Porto Editora. 1994.

CASTRO, A. C. L. M. C. D. Desenvolvimento da competência de aprendizagem: uma exigência da educação do Século XXI - o caso dos manuais de português língua estrangeira. Dissertação e Mestrado: Universidade Nova de Lisboa. Portugal. 2007.

CORRÊA, R. L. O livro escolar como fonte de pesquisa em História da Educação. Campinas: Cadernos Cedes. 2000.

COSTA, M. S.; ALLEVATO, N. S. G. Livro didático de matemática: análise de professor as polivalentes em relação ao ensino de geometria. Revista Vidia. Santa Maria: UNIFRA - Centro Universitário Franciscano. 2010.

DANTES, Luiz Roberto. Livro didático de matemática: uso ou abuso?. UNESP: Rio Claro. 1996.

FERNANDES, F. A. Didáctica y Optimizacióndel Processo de Ensino a aprendizagem. IN: Instituto Pedagógico Latino americano y caribeno – La Havana–Cuba. 1998.

JÚNIOR, D. G. Livros didáticos, saberes disciplinares e cultura escolar: primeiras aproximações. Revista História Da Educação. 2012. 1(2), 29–50.Recuperado de https://seer.ufrgs.br/index.php/asphe/article/view/30663.

MATOS, M. R. A. A importância da conservação do livro didático para o processo de ensino e aprendizagem. Crisópolis – Bahia: Recanto das Letras.2017.

MOHR, A. A saúde da escola: análise de livros didáticos de 1ª a 4ª séries. Rio de Janeiro. 1995.

PRODANOV, C. C.; FREITAS, E. C. Metodologia do Trabalho Científico: Métodos e Técnicas da Pesquisa e do Trabalho Académico. (2ª ed.). Rio Grande do Sul – Brasil. 2013.

RÊGO,L. B.; LIMA,M. V. R. O. Didática: conceitos e concepções. Recife: UPE. 2010.

RIBEIRO, Â. A., ROSA, J. K. S. Estratégia para conservação de acervos bibliográficos: relato de uma experiência. Revista Múltiplos Olhares em Ciência da Informação. Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte. 2012.

SANTANA, N. S. Análise do Livro Didático: Implicações para o Ensino Aprendizagem de Botânica no Ensino Médio. Dissertação de Mestrado. Brasília: UnB. 2020.

SAPANE,B. M. Política de racionalização do livro didático na escola: mecanismos de aquisição, conservação e devolução à escola. Revista Debates em Educação. Alagoas. 2018.

TRIVIÑOS, A. N. S. Introdução à Pesquisa em Ciências Sociais: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo: Atlas, 1987.

Documentos:

MOÇAMBIQUE. Guião do Professor. Ministério de Educação e Desenvolvimento Humano. Maputo: Moçambique. 2018.

Downloads

Publicado

16-02-2024 — Atualizado em 02-03-2024

Versões

Como Citar

TEIMOSO, A. R.; ÁNICA, J. M. .; NACIAIA, A. P.; SANTOS JOÃO, A. dos .; GOMUNDANHE, A. M. ANÁLISE SOBRE O ESTADO DE CONSERVAÇÃO DO LIVRO ESCOLAR EM ESCOLAS PRIMÁRIAS DA CIDADE DE LICHINGA-MOÇAMBIQUE. Saberes: Revista interdisciplinar de Filosofia e Educação, [S. l.], v. 24, n. 1, p. AR05, 2024. DOI: 10.21680/1984-3879.2024v24n1ID32544. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/saberes/article/view/32544. Acesso em: 22 abr. 2024.